Com o objetivo de solicitar melhorias para o saneamento básico de Aparecida do Taboado, na manhã desta quinta-feira, 01, o prefeito Robinho Samara, aproveitando a entrega de um caminhão caçamba para o município, reuniu a sua equipe de governo no Gabinete e convidou os vereadores para uma tratativa com dirigentes da Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul).

Estiveram presentes para ouvir as reivindicações e tirar as dúvidas do Poder Executivo e Legislativo, Juvenal Neto, coordenador regional da Costa Leste do Governo do Estado; Flávio César Oliveira, assessor da Presidência da Sanesul, representando o presidente Luiz Rocha; Gilvan Fonseca, gerente regional; e Ademir Thales Costa Correia, gerente local;

Gilvan destacou o trabalho do prefeito Robinho Samara em prol do aumento de saneamento de Aparecida do Taboado e disse que o Governo de Mato Grosso do Sul, por intermédio da Sanesul, irá fazer ainda mais investimentos no município. “O prefeito sempre buscou trazer melhorias para Aparecida e nós estamos trabalhando para que os serviços de abastecimento de água sejam cada vez mais eficientes. Hoje entregamos este caminhão que vai auxiliar quando formos compactar os buracos ocasionados pelos serviços de manutenção da rede”, falou.

Segundo explicou o gerente regional, a vantagem de se ter o caminhão caçamba é que agora, quando eles forem prestar serviços de manutenção da tubulação da rede, o material úmido (terra molhada) será jogado na caçamba e outro material substituído por solo adequado para fazer a operação tapa buraco com a devida compactação.

Robinho agradeceu aos dirigentes da Sanesul e ao coordenador da Costa Leste por ouvirem os anseios da população e enfatizou que o que o Executivo e Legislativo solicitam é uma “força tarefa” com o intuito de atender toda a cidade através de uma setorização dos serviços.

O assessor da presidência, Flávio César, explicou que a Sanesul pretendia iniciar a setorização do final do ano, porém com o período de chuva e muitos funcionários de férias, ficou impossível. “Conversei em Campo Grande e para não prejudicar os trabalhos aqui, irá vir uma equipe de Campo Grande com equipamento, máquinas e tudo para poder mexer, e nós vamos fazer uma força tarefa, trazer funcionários de outras unidades para podermos fechar aqui e tentar fazer o mais rápido possível a setorização de Aparecida do Taboado”, explanou.

Ao perguntar sobre a previsão da troca da rede de amianto para o ano de 2018, o assessor explicou aos vereadores, secretários e prefeito que vários municípios que estão nessa situação e por este motivo a empresa está fazendo um planejamento. “Mas eu acredito que Aparecida do Taboado deve ser contemplada no segundo semestre deste ano”, completou.

O prefeito e vereadores solicitaram que a Sanesul revise este planejamento, pois existe uma programação do Governo Estadual iniciar um projeto de recapeamento de algumas localidades da cidade antes do segundo semestre.

Os dirigentes acenaram positivamente para o Município e confirmaram estudar melhor o projeto para não comprometer a execução do recape. Logo após, todos se dirigiram até o pátio da Prefeitura para a entrega do caminhão caçamba.

Participaram da reunião os vereadores José Natan de Paula Dias, Walteir José de Oliveira (Véião), Andrey dos Reis e o presidente da Câmara de Vereadores Alaor Bernardes da Silva Filho (Lolozinho). Já os secretários municipais que presenciaram a conversa foram Rafael Alexandre Faria (Obras), a primeira-dama Lucilene Tábuas Carrasco (Assistência Social), José Rodrigues de Matos (Chefe de Gabinete), Juner Cezar Pereira da Costa (Fazenda e Planejamento) e Maria Margarida de Matos (Educação).