No dia 09 de agosto os servidores da Prefeitura de Aparecida do Taboado foram invadidos por hackers e isso causou uma série de problemas para a gestão pública. Um dos prejuízos de informações estão refletidos no IPAMAT (Instituto de Previdência Municipal de Aparecida do Taboado), que perdeu todos os seus arquivos digitais a partir de outubro de 2017. Agora o órgão trabalha contra o tempo para conseguir fechar a folha de pagamento de pensionistas e aposentados e pagar seus salários em dia.

De acordo com Cristiane Mendes Vieira Neves, diretora presidente do IPAMAT, o sistema (SISPREV WEB) estava armazenado no servidor do município e todo backup diário do órgão era feito nele. “O sistema foi criptografado e com isso nós perdemos a nossa base de dados e não conseguimos recuperar”, contou.

A diretora presidente ressaltou que o vale dos beneficiários somente foi realizado na data costumeira graças à união de esforços da equipe da Caixa Econômica Federal com o IPAMAT. Agora, o empenho é voltado para conseguir pagar o salário, o que depende da reinstalação total do sistema no IPAMAT e isso demanda tempo, pois o cadastro de cada um dos 284 servidores deve ser feito individualmente. “O sistema foi instalado na última sexta-feira e teve que atualizar a versão do sistema que tínhamos em backup até a versão atual. Os serviços terminaram na noite da última segunda-feira. Agora vamos ter que trabalhar com ações e planejamentos para recuperar as informações até o dia atual”, explicou.

Os servidores municipais lotados no IPAMAT serão divididos em duas equipes, uma fará a atualização cadastral e a outra trabalhará na recomposição das folhas de pagamentos mês a mês, o que demandará utilizar das vias físicas armazenadas em PDF e jogar no sistema. “Neste período teremos que fazer também a questão da implantação do benefício naquele período. Quem aposentou ou virou pensionista, por exemplo, até os dias atuais. O que serão mais difíceis para atualizar serão os auxílios doença, porque varia muito de um dia para o outro. Temos uma média de 30 auxílios por mês, então será um trabalho árduo”, salientou.

Cristiane enfatizou que a expectativa é regularizar todo o sistema até o final do ano. Ela ainda agradeceu a equipe do IPAMAT que tem se desdobrado para finalizar a folha de pagamento. “Estamos trabalhando para todo mundo receber até sexta-feira. O que a gente pede é a compreensão e colaboração dos funcionários que estão nos procurando para entrar com pedido de aposentadoria, pois para conseguir o benefício é preciso fazer uma planilha de cálculo, essencial para entrar com o processo, ou seja, assim que normalizados os serviços o Instituto atenderá estes servidores para a concessão de seu benefícios, deixando claro que quem adquiriu o seu direito de aposentadoria não o perderá”, finalizou.

Compartilhe com os amigos: