Educação Patrimonial foi tema de palestras para beneficiários do “Tia Chica I e II”

O “Projeto de Trabalho Social” – Plano de Desenvolvimento Sócio Territorial (PDST) para as famílias contempladas com a casa própria nos residenciais “Tia Chica I e II” continua sendo executado pela Prefeitura Municipal de Aparecida do Taboado. Nos dias 26 e 27, como parte das ações, os beneficiários assistiram a palestras com o tema “Educação Patrimonial”.

Ministrada pela assistente social, Leiner Teruya, responsável pela empresa Societas Consultoria, a palestra tratou sobre como os moradores podem cuidar com seu imóvel e em torno, esclareceu deveres e direitos, enfatizando a valorização dos benefícios recebidos (casa, esgoto, asfalto, drenagem, iluminação, etc).

A reunião contou com a participação da secretária municipal de Assistência Social, Lucilene Tábuas Carrasco, da coordenadora do PDST, Analice Gonçalves Domingos e do diretor local do PROCON, Jary Augusto Silva.

“O PDST é um programa essencial, pois não adianta só dar a casa, é preciso dar orientação. É uma exigência do Governo Federal, executado com recursos do Fundo de Arrendamento Residencial). Neste pouco tempo em que os beneficiários se mudaram surgem muitas dúvidas e demandas, e nós levamos todas para a Secretaria Municipal de Assistência Social”, disse Leiner.

A secretária de Assistência Social, Lucilene Tábuas Carrasco, deu as boas vindas aos moradores e agradeceu a disponibilidade do PROCON em participar do encontro para esclarecer os direitos do consumidor. “Vocês pediram respostas de algumas demandas e tudo o que nós podemos, na medida do possível, atendemos. Hoje o Jary, diretor do PROCON, veio para esclarecer todos os questionamentos sobre suas casas e o que diz respeito ao Direito Consumerista. O nosso objetivo é chegar a um consenso para sanar todas as situações que surgem”, falou.

Analice Gonçalves Domingos, coordenadora do PDST, lembrou que o Trabalho Social é coordenado pela Secretaria Municipal de Assistência Social e as ações foram planejadas para atender a realidade local, com foco especialmente nos eixos: Organização Comunitária, Educação Sanitária e Ambiental, Educação Patrimonial e Geração de Renda.

“Ao abordar a Educação Patrimonial nosso objetivo é que os beneficiários contribuam e se conscientizem sobre o que é morar em comunidade”, disse a coordenadora.

O diretor do PROCON, bacharel em Direito, foi convidado para falar sobre o Direito do Consumidor. Na oportunidade muitas perguntas foram feitas pelos moradores e todas foram esclarecidas. “É imprescindível discutir os problemas que surgem e importante estimular o convívio comunitário para que o empreendimento tenha sustentabilidade”, destacou.

Ao final do evento foram sorteados brindes entre os beneficiários. As crianças tiveram à disposição pula-pula, cachorro-quente e refrigerantes.

A assistente social, Leiner Teruya, da empresa Societas Consultoria, ministrou sobre o tema “Educação Patrimonial”.

Analice Gonçalves Domingos, coordenadora do PDST, lembrou que o Trabalho Social é coordenador pela Secretaria Municipal de Assistência Social.
Direito do Consumidor também foi abordado no PDST, pelo diretor do PROCON, Jary Augusto.
A secretária municipal de Assistência Social, Lucilene Tábuas Carrasco, enfatizou o trabalho de sua pasta com os moradores.

Servidores da Secretaria de Assistência Social recebem capacitação

De 25 a 28 de fevereiro, os servidores da Secretaria Municipal de Assistência Social de Aparecida do Taboado, Órgão gestor, CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), CREAS (Centro de Referência Especializada de Assistência Social) e SCFV (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos) receberam capacitação para melhor atender os cidadãos que utilizam dos serviços da Prefeitura.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Lucilene Tábuas Carrasco, a capacitação “Fundamentos do Atendimento Eficaz” foi realizada pelo SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), tendo 20 horas/aula. O curso foi ministrado por pelo administrador Hilton Alberto Henn.

 “Nosso objetivo com esse curso é melhor atender a todos os aparecidenses usuários da rede assistencial, pois os ensinamentos propiciam aos participantes o entendimento das dimensões do tema atendimento ao cliente, tendo como princípio os conhecimentos, habilidades e atitudes pessoais e profissionais necessárias para o atendimento de clientes com qualidade e excelência”, explicou.

A secretária agradeceu a compreensão dos usuários da rede assistencial e enfatizou que todos os setores estarão ainda mais preparados para recebê-los. “A capacitação é muito importante para que todos nós possamos aprimorar nossas habilidades de atendimento ao público. Eu tenho certeza que este curso trará benefícios principalmente aos atendidos”, finalizou.

O curso “Fundamentos do Atendimento Eficaz” foi ministrado pelo administrador Hilton Alberto Henn.

Aparecida do Taboado receberá novamente o programa PVE em 2019

A Prefeitura de Aparecida do Taboado, representada pela Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer participou da Oficina de Pactuação do Programa Parceria pela Valorização da Educação (PVE) 2019 do Instituto Votorantim, evento ocorrido no hotel Holiday Inn, em São Paulo, nos dias 19 e 20 de fevereiro, confirmando a participação do município em 2019.

O evento reuniu centenas de profissionais da educação de 17 estados brasileiros. O município foi representado pela secretária municipal de Educação, Maria Margarida de Matos e a diretora de Educação, Adelair Aparecida Martins Rodrigues, que também é técnica mobilizadora do PVE.

No primeiro dia os participantes assistiram palestras, bate-papos e apresentação de resultados da implementação do programa, além, é claro, da tão esperada revelação dos contemplados pelo Prêmio PVE 2018.

A cidade de Aparecida do Taboado se destacou nas três frentes da categoria Destaque Nacional, ou seja, GESC (Gestão Escolar), GEDU (Gestão Educacional) e MOB (Mobilização), ficando entre os seis finalistas. Além da categoria Destaque Nacional as frentes foram avaliadas separadamente, tendo o Município ficado também entre os seis finalistas na GESC (Gestão Escolar). A entrega do prêmio de participação foi realizada por Gustavo Brito, Analista de Gestão de Programas da equipe do PVE, com a participação de Claudia Furini, superintendente do Banco Votorantim, patrocinador da premiação.

A Pactuação do Programa Parceria pela Valorização da Educação 2019 foi assinada no fechamento do evento. A partir do mês de abril, a Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer iniciará a primeira formação do Ciclo 1, para diretores, coordenadores, funcionários da Secretaria de Educação e convidados para integrar a mobilização. A formação será regida pela nova formadora Patrícia Guarany, de São Paulo, e Paula Bonfim, mobilizadora da empresa Suzano de Três Lagoas.

Coordenadoria de Educação no Trânsito chama atenção para número de acidentes

Para alertar os aparecidenses sobre os perigos do trânsito e número de mortes ocasionado por acidentes no município, a Coordenadoria de Educação no Trânsito da Prefeitura realizou uma blitz na última sexta-feira, no semáforo localizado no cruzamento das Avenidas Presidente Vargas e Orlando Mascarenhas Pereira.

A ação foi promovida pela coordenadora de Educação no Trânsito, Claudete Alves de Souza, servidora devidamente credenciada como ‘Observador Certificado’ pelo Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), com o objetivo de atuar de forma ainda mais eficiente na busca por um trânsito seguro e humanizado. As atividades contaram ainda com a participação da pedagoga Jéssica Fassa, lotada na unidade do Detran local, e da servidora Sônia Forni, cedida pela Secretaria Municipal de Educação.

Durante a blitz foram entregues folders sobre o ONSV, adesivados carros com símbolos de práticas não permitidas no trânsito e os motoristas foram orientados a utilizarem o cinto de segurança, transportar criança na cadeirinha no banco de trás, utilizar de modo correto o capacete, não andar de motocicleta usando chinelo e não usar celular enquanto dirige. De acordo com a coordenadora, ao longo desse ano serão promovidas várias ações de conscientização.

De acordo com levantamento feito pelo 15º Subgrupamento do Corpo de Bombeiros, Aparecida do Taboado registrou 83 vítimas de acidentes nos primeiros 4 meses do ano passado, totalizando 5 mortes em abril, quando foram registrados 29 acidentes, o maior índice de 2018.


Carros foram adesivados com símbolos de práticas não permitidas no trânsito.

Sanesul apresentou o projeto do emissário final ao Executivo


Em busca de conhecer o projeto da Sanesul em execução em Aparecida do Taboado, que visa atender a rede de coleta de esgoto, o prefeito Robinho Samara esteve em Campo Grande na última quinta-feira, 14, acompanhado dos vereadores José Rodrigues de Matos (Zezão), Alaor Bernardes (Lolozinho) e Andrey dos Reis. Executivo e Legislativo aproveitaram para convidar o diretor-presidente da Sanesul, Helianey Paulo da Silva, para uma apresentação mais completa no município. O convite foi aceito e a reunião ocorreu na Prefeitura, na sexta-feira, 15.

O principal questionamento foi sobre a destinação final do esgoto no Rio Paraná, que vem causando grande preocupação em toda a população. O prefeito indagou sobre como a Sanesul fará o emissário final.

Helianey esclareceu aos presentes que as obras de esgotamento sanitário no município estão em conformidade com a Legislação Estadual e Federal, inclusive da Agência Nacional de Águas (ANA). O diretor-presidente da Sanesul disse que toda obra, antes de ser realizada, é precedida de licença ambiental e de estudos de engenharia que levam em consideração a preservação do Meio Ambiente e o bem estar da população.

“O que está faltando é conhecimento da totalidade do projeto. Hoje nós podemos garantir à sociedade de Aparecida do Taboado é que não haverá nenhum problema. Além da Sanesul ter a obrigatoriedade de estar cuidando e monitorando esse material que será descartado no Rio Paraná, nós somos fiscalizados por órgãos que se constatar qualquer irregularidade nos aplicam multas e os profissionais podem ser até presos. Hoje o meio ambiente é assunto no mundo inteiro e a Sanesul a dispõe de um corpo técnico de engenheiros que estudaram isso”, afirmou o diretor-presidente.

Helianey disse ainda que é importante lembrar que todo o esgoto que a Sanesul coleta na cidade é tratado de acordo com a Legislação Ambiental vigente.  “O que nós queremos garantir é que ninguém está aqui para fazer uma obra de má qualidade. Nós estamos investindo mais de R$ 6 milhões para trazer uma melhor qualidade de vidas para as pessoas desse município”, enfatizou.

O prefeito Robinho Samara agradeceu ao diretor-presidente por atender ao chamamento feito para explicar o projeto e ressaltou sua preocupação com a necessidade de esgoto para a cidade. “Aparecida do Taboado tem o lençol freático alto, ainda hoje é possível ver esgoto correndo a céu aberto e crianças brincando; isso é um problema. A cada um real que você gasta no esgoto, você economiza cinco na saúde, é uma realidade”, disse.

A história da rede de coleta de esgoto foi lembrada pelo chefe do Executivo que salientou que desde quando iniciou a coleta de esgoto no município a destinação final sempre foi o Rio Paraná. “Nós temos que brigar para uma melhor qualidade de uma obra e é isso que estamos fazendo. Hoje a Sanesul está implantando uma rede coletora e fazendo a ampliação da estação de tratamento. Pelo projeto, vimos que o esgoto será jogado 150 metros pra dentro do Rio Paraná e a água que sai na lá ponta será uma água tratada”, afirmou.

O Deputado Estadual Antonio Vaz acompanhou a reunião e afirmou, após o fechamento, que “não será feita uma coisa qualquer. A Sanesul tem toda uma engenharia para que não aconteça nada de errado, nem vazar e nem causar problemas para a população”.

Ainda participaram da reunião: o presidente da Câmara Municipal José Rodrigues de Matos; a secretária de Assistência Social e primeira dama, Lucilene Tábuas Carrasco; Chefe de Gabinete Jary Augusto Silva; secretário de Saúde, Márcio Garcia Galdino; secretário de Obras, Igor Vougado; secretário de Fazenda e Planejamento, Juner Cezar Pereira da Costa; secretária de Desenvolvimento Econômico, Dulce Lima; coordenador de Vigilância Sanitária do município, Adilson Valentim de Freitas; e o Supervisor da Unidade Local da Sanesul, Ademir Thales Costa Corrêa.

Casa do Trabalhador está com novas oportunidades de empregos


A Casa do Trabalhador oferece, nesta quarta-feira, 20, duas novas vagas, sendo uma para técnico segurança do trabalho e outra para Analista de Geoprocessamento Jr e Pl.

         De acordo com a gestora da unidade, Tassia Paiva, os interessados devem comparecer na unidade, localizada na Avenida Orlando Mascarenhas Pereira, 2063, de frente o Fórum, das 8h às 14h, munidos da carteira de trabalho, CPF, RG e um currículo para fazer o cadastro.

Confira os requisitos exigidos para cada vaga:

Técnico segurança do trabalho: Ter curso técnico em segurança do trabalho e experiência em carteira.

Analista de Geoprocessamento Jr e Pl: Formação: Ensino Superior Completo em Engenharia Florestal ou Engenharia Cartográfica.

Principais atividades:

Análise e processamento de imagens de Satélite e VANT.

Interpretação e geração de produtos por imagens de Satélite e VANT

Geração de mapas temáticos.

Avaliação de novas tecnologias para extração de informações de sensores remotos.

Realizar indicadores das áreas (gestão de metas).

Medição de campo utilizando geotecnologias.

Gestão do banco de dados cartográficos (ponte entre TI e Florestal).

Suporte cartográfico junto a área jurídica (invasões, desapropriações, posses, etc).

Suporte em demais atividades pertinentes a área.

Conhecimentos necessários:

MISSION PLANNER

ArcGIS

ArcGIS Server

ArcGIS Pro

SQL DEVELOPER

DRONE / VANT ASA FIXA E MULTIROTOR (plano de voo, pouso e decolagem automática e manual)

Demais ferramentas de Geotecnologia

Imprescindível:

Pacote Office Avançado.

Disponibilidade para viagens.

Atendimentos assistenciais serão suspensos por quatro dias para capacitação


A Prefeitura de Aparecida do Taboado informa que nos dias 25, 26, 27 e 28 de fevereiro a Secretaria Municipal de Assistência Social, Órgão gestor, CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), CREAS (Centro de Referência Especializada de Assistência Social) e SCFV (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos) terão seus serviços suspensos para capacitação de seus profissionais.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Lucilene Tábuas Carrasco, todos os servidores receberão uma capacitação pelo SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) com o tema ‘Fundamentos do Atendimento Eficaz’. “Esta é uma capacitação necessária para bem atender a todos os aparecidenses usuários da rede assistencial, pois ela propiciará aos participantes o entendimento das dimensões do tema atendimento ao cliente, tendo como princípio os conhecimentos, habilidades e atitudes pessoais e profissionais necessárias para o atendimento de clientes com qualidade e excelência”, explicou.

Prefeito e vereadores tem recursos garantidos para Saúde e Infraestrutura

Em Brasília, no último dia 13, o prefeito Robinho Samara e os vereadores presidente da Câmara, José Rodrigues de Matos (Zezão), primeiro secretário Alaor Bernardes (Lolozinho Bernardes), Gilson Barros e Andrey Dos Reis, cumpriram agenda com o deputado federal Beto Pereira e com a deputada federal Rose Modesto, garantindo emendas parlamentares para a Saúde e Infraestrutura de Aparecida do Taboado.

Ao deputado Beto Pereira, o Chefe do Executivo e os edis solicitaram recursos para a execução de um projeto de energia solar para o Hospital Municipal e outro de infraestrutura para pavimentação e drenagem de ruas. “Ficamos muito contentes com a garantia destes recursos por parte do deputado. Agora é aguardar a emenda para que possamos prosseguir com os projetos”, afirmou Robinho Samara.

Já durante a reunião com a deputada Rose Modesto o pedido foi para auxílio em infraestrutura, para que mais bairros possam ser pavimentados, e para investimento em Saúde. “Nós fomos muito bem recebidos pela deputada que nos garantiu que ainda neste ano serão destinadas duas emendas parlamentares, que possamos dar continuidade ao trabalho que estamos realizando no município de Aparecida do Taboado”, informou o prefeito.

Ainda de acordo com o prefeito Robinho Samara as reivindicações atendem as necessidades do município.

Prefeito assina “Termo de Fomento” para repasses às entidades


Na manhã desta segunda-feira, 11, o prefeito Robinho Samara reuniu-se com os representantes das Organizações da Sociedade Civil de Aparecida do Taboado, no Gabinete, para assinar o “Termo de Fomento” que permite o repasse de verbas de janeiro a dezembro de 2019, para auxiliar nas demandas de cada uma na prestação de serviços assistenciais.

A secretária de Assistência Social, Lucilene Tábuas Carrasco acompanhou o ato, juntamente com a técnica de prestação de contas de convênios, Alessandra Freitas Saco, e destacou que o “Termo de Fomento” atende a seis entidades, sendo a APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), o Lar “Vicente Marques de Queiroz”, o Instituto Promocional “Dom Afonso Maria Fusco”- Mantenedora da Congregação de São João Batista, o Centro Espírita Joana D’arc – Mantenedora do Albergue Noturno, a Associação “Mãos que Brilham” e a Associação Hospitaleira de Assistência Social – Casa da Hospitalidade São João de Deus. “Nós fizemos todo o possível para atender as entidades já no começo do ano. O mês de janeiro eles vão receber o repasse retroativo. Estamos muito felizes em contribuir com a prestação de serviços de todos”, disse.

Estiveram presentes: Josefa Aparecida de Queiroz (Casa da Hospitalidade São João de Deus); João Vitor Pietro da Silva e Iane Macena de Oliveira (Lar dos Idosos); Ana Marina Poletto e Neide Poleto (Associação Mãos que Brilham); Irmã Ângela Maria Jorge e Joana Miranda (Instituto Dom Afonso Maria Fusco) e Norma Sueli Silva Martins (Centro Espírita Joana D’arc).

Ao falar com os representantes das entidades, o prefeito Robinho Samara se comprometeu em cumprir com o repasse até o final de 2020, quando encerra sua Administração. “Se Deus quiser, eu quero cumprir com vocês até o último dia do meu mandato. A receita do Brasil caiu e a gente está fazendo todos os ajustes para manter e honrar os nossos compromissos. Eu agradeço também ao Legislativo, por nos ajudar a correr atrás de recursos para o nosso município”.

Com a oficialização do “Termo de Fomento”, a Prefeitura irá repassar para a APAE o valor anual total de R$ 132.233,04 (Cento e Trinta e Dois Mil Duzentos e Trinta e Três Reais e Quatro Centavos) através de verba municipal de manutenção, R$ 32.551,92 (Trinta e Dois Mil Quinhentos e Cinquenta e Um Reais e Noventa e Dois Centavos) pelo FEAS (Fundo Estadual de Assistência Social) e R$ 22.174,08 (Vinte e Dois Mil Cento e Setenta e Quatro Reais e Oito Centavos) pelo MDS (Ministério de Desenvolvimento Social).

O Lar dos Idosos “Vicente Marques de Queiroz” irá receber R$ 83.709,96 (Oitenta e Três Mil Setecentos e Nove Reais e Noventa e Seis Centavos) do Município, R$ 29.131,68 (Vinte e Nove Mil Cento e Trinta e Um Reais e Sessenta e Oito Centavos) do FEAS e R$ 17.520,00 (Dezessete Mil Quinhentos e Vinte Reais) do MDS. O presidente João Vitor Pietro da Silva contou que estes repasses são fundamentais para atender aos 43 idosos acolhidos no Lar. “A gente aplica estes recursos em prol do Lar dos Idosos, nas despesas do dia a dia, para manter a receita, alimento, medicamento, energia, funcionários. Agradeço ao prefeito Robinho Samara e a secretária de Assistência Social, Lucilene Tábuas Carrasco”, disse.

O Instituto “Dom Afonso Maria Fusco” terá em 2019 um total de R$ 80.251,20 (Oitenta Mil Duzentos e Cinquenta e Um Reais e Vinte Centavos) pela Prefeitura e R$ 15.780,00 (Quinze Mil Setecentos e Oitenta Reais) pelo Fundo Estadual de Assistência Social. A presidente do Instituto, Irmã Ângela, ressaltou a necessidade do fomento para o funcionamento do local, que atende a 140 crianças. “Ele é de fundamental importância para que possamos levar a frente nossa obra. Agradeço primeiramente a Deus por dar essa possibilidade de podermos contar com este recurso, a toda equipe da Prefeitura que se empenhou e ao prefeito Robinho, por nos permitir mais uma vez poder contar com esse recurso para trabalhar junto às crianças deste município” falou.  

O Centro Espírita Joana D’arc (Albergue Noturno) terá um aporte de R$ 38.557,20 (Trinta e Oito Mil Quinhentos e Cinquenta e Sete Reais e Vinte Centavos) repassado pelo Município e R$ 13.502,64 (Treze Mil Quinhentos e Dois Reais e Sessenta e Quatro Centavos) do FEAS.

A Associação “Mãos que Brilham” terá como fomento o valor anual de R$ 25.365,96 (Vinte e Cinco Mil Trezentos e Sessenta e Cinco Reais e Noventa e Seis Centavos) repassado pelo município.

A Associação Hospitaleira de Assistência Social receberá o valor total de R$ 18.621,48 (Dezoito Mil Seiscentos e Vinte e Um Reais e Quarenta e Oito Centavos) também do município.

Prefeitura iniciou bloqueio de casos suspeitos de dengue 


Devido o número alarmante de casos notificados de suspeita de dengue, a Prefeitura de Aparecida do Taboado, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde e execução da Coordenadoria de Vetores, iniciou, nesta quarta-feira, 13, o bloqueio através da máquina UBV-Ultra Baixo Volume pesada acoplada em um veículo (FUMACÊ).

José Fernando da Silva, gerente técnico da Coordenadoria de Vetores, explicou que o veículo foi cedido pelo Governo do Estado devido o alto número de casos notificados da 2ª semana até a 7ª semana do ano. De seis casos na 2ª semana o número subiu para 96 até a última estatística divulgada pela Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica.

O trabalho da UBV ocorre de maneira setorizada, no entanto ele pode ser expandido após o atendimento dos bairros programados. “Junto do trabalho da UBV estamos fazendo o controle mecânico, ou seja, retirando os objetos que possam vir a serem criadouros do mosquito Aeds Aegypti”, contou José Fernando.

Estão na programação 453 quarteirões, que compreende nove micro áreas, para receberem a aplicação espacial de inseticida. Não existe uma previsão de quando o trabalho encerrará, o que foi explanado pelo gerente técnico é que, cada micro área será atendida em três ciclos, tendo uma diferenciação de três a cinco dias de um para outro.